sexta-feira, setembro 15, 2006

"Na época de Serra e Negri nosso negócio era muito mais fácil. Foi quando mais crescemos" - Darci Vedoin

José Serra, candidato do PSDB ao governo de São Paulo, é o personagem de capa da última edição da revista IstoÉ. Chegou às bancas nesta sexta-feira. Sob o título “Os Vedoin acusam Serra”, a notícia, escrita pelo repórter Mário Simas Filho, acomoda o tucano no centro do escândalo do superfaturamento de ambulâncias.

A reportagem baseia-se em declarações de Darci Vedoin e Luiz Antonio Vedoin, os donos da Planam. “Das 891 ambulâncias comercializadas pela Planam entre 2000 e 2004, 681, ou 70% do total, tiveram verbas liberadas até 2002, dentro do período de gestão de Serra e Barjas Negri”, anota o texto. Barjas Negri era o secretário-executivo da pasta da Saúde na gestão Serra. Ele assumiu o ministério quando o titular teve de sair para concorrer ao Planalto, em março de 2002.

Os Vedoin contaram à revista que começaram a pagar propinas em 1998, durante a gestão de Serra. "Naquela época, a bancada do PSDB conseguia aprovar tudo e, no ministério, o dinheiro era rapidamente aprovado", disse Luiz Vedoin à InstoÉ. "Na época deles [Serra e Negri] o nosso negócio era muito mais fácil. O dinheiro saía muito mais rápido. Foi quando mais crescemos", ecoou Darci Vedoin.

A notícia informa ainda que os Vedoin acusaram um empresário chamado Abel Pereira de “agir em nome do então ministro Barjas Negri e de receber propina por meio de cheques e em depósitos nas [contas] das empresas Império e Kanguru.” O sítio noticioso Quinovi traz uma versão em PDF das páginas da revista.

Instado a comentar o caso, Serra foi conciso. Disse que a notícia "faz parte do kit baixaria do PT". Ontem, Serra já havia atribuído o envolvimento de seu nome no escândalo das sanguessugas aos destemperos próprios da época eleitoral. Parece claro que debitar a encrenca apenas na conta das querelas eleitorais não é a melhor estratégia para Serra.

O ex-ministro terá de pronunciar meia dúzia de frases de maior consistência. Ou desmonta as acusações ou verá a sua biografia ser arrastada pelo torvelinho que revolve a cena política nacional. Diz-se que os Vedoin, por bandidos, não mereceriam credibilidade. Bobagem. O tucanado vinha dando crédito irrestrito à dupla enquanto as acusações serviram para minar a autoridade do governo Lula e do PT. Experimentam agora uma dose do mesmo veneno. E precisam provar que dispõem de um bom antídoto.

From Blog do Josias

9 comentários:

João disse...

Só alguém muito ingenuo vota no Lula ¬¬
Cresce e aparece meu filho, esse barbudo não fez NADA pelo Brasil e não irá fazer!

Ricardo disse...

chora não joão. os votos no lula surgirão por geração espontânea...

Carlos Eduardo disse...

Um secretário do Lulla envolvido...

Homem de confiança...

Lulla não sabia de nada. DE NOVO!!!

a quem interessava, ao assessor???

de onde veio a grana, dele que não foi???

Cheguei a conclusão que Polícia Federal sempre investigou...
Só que nunca teve tantas razões pra investigar e prender tantos funcionários do Planalto...

É dolar na cueca, dossiês, mortes e assassinatos, corrupção, prevaricação, corrupção ativa e passiva, a regra é ROUBE O QUE PUDER!!! que o chefe nada vê nada sabe...
E tudo tem gente da mais alta cúpula do PT envolvido!!!

É lulla de novo pra roubar nosso povo!!!

Fora ladrões este país é meu esta bandeira é minha!!!
www.queromaisbrasil.com.br
www.contasabertas.com.br

Freud disse...

corruPTos!!
precisa falar mais?
pt nunca mais...
não deu certo, só tem corruPTo.

Ricardo disse...

Os ilustres visitantes já investigaram, já julgaram e já condenaram. Fica aqui a recomendação serena: vamos aguardar as conclusões da polícia federal, vamos presumir a inocências dos acusados, exigir dos acusadores as devidas comprovações e daí então a Justiça será feita. Doa a quem doer. Ah! E não nos esqueçamos também, com a mesma ênfase, de checar a história do Serra no Mato Grosso, pois são indícios deste tipo que mtivaram a criação da CPI dos Sanguessugas. Voltem sempre!

Clarice disse...

fala sério, vc acha mesmo que antes não tinha "tantas razões pra investigar"???
que o pt armou tudo, inclusive o que já existia antes dele?
que o lula, que nunca usou desse tipo de expediente, ia comprar um dossiê a duas semanas das eleições, com 50% nas pesquisas, pra denunciar alguém que já está mais sujo que pau de galinheiro?
vai ver vc acha também que hipnotizaram o serra pra ele estar lá na planam, ou então era um sósia contratado pelo pt, né?
tenha paciência!

FREDERICO LEMOS disse...

Ricardo...

Aristóteles elaborou uma dessas teorias criacionistas, cuja aceitação se manteve durante séculos, com a ajuda da Igreja Católica, que a adoptou. Esta teoria considerava que a Vida era o resultado da acção de um princípio activo sobre a matéria inanimada, a qual se tornava, então, animada. Deste modo, não haveria intervenção sobrenatural no surgimento dos organismos vivos, apenas um fenómeno natural, a geração espontânea.

A polémica manteve-se até 1862, quando o francês Louis Pasteur, pôs definitivamente termo à ideia de geração espontânea com uma série de experiências conservadas para a posteridade pelos museus franceses.

ASSIM LHE INFORMO QUE: OS VOTOS DE LULA NÃO PODERÃO VIR DE GERAÇÃO ESPONTÂNEA...

TERÃO DE VIR DO ASSISTENCIALISMO, CLIENTELISMO, FRAUDES ELETRÔNICAS, ESTELIONATO ELEITORAL, CORRUPÇÃO ATIVA E PASSIVA, ONDE O PT TEM "KNOW-HOW" PRÓPRIO, APRIMORADO DOS TUCANOS COM O TOQUE PETISTA, QUE É ESTE:CADA UM FAZ O QUE QUER E VEZ E SEMPRE ACABA DANDO MERDA... COMO AGORA NOS DOSSIÊS...
UMA PÁ DE CAL NO GOVERNO LULA.

Cícero disse...

Mais funcionários de Lulla envolvidos, Qtos estarão envolvidos?
tem alguém inocente?

Vamos esperar a Polícia federal apurar... em um ano ou dois eles encerram o inquérito.

Vejam acabam de indiciar o Palocci pelos crime qdo era prefeito de Ribeirão, ou seja o criminoso ainda foi nomeado ministro da fazenda.

O que fez? usou o cargo para cometer vários crimes que a polícia federal está investigando e dentro de um ano ou dois vai concluir as investigações até lá o lulla e o pt continuam apoiando o bandido.

e ainda querem que quem trabalha paga imposto e juros do cheque especial pra pagar sua contas em dia vote no Lulla??
Qua aliás não paga conta nenhuma nem de luz...
tenha dó.

Anônimo disse...

A PF nem é tão republicana assim....

"A Polícia Federal tentou abafar o caso do dossiê após descobrir o envolvimento de petistas no escândalo. Em São Paulo, onde um ex-agente da PF foi preso, a orientação era restringir ao máximo o acesso a informações e concentrar a investigação nas mãos de policiais de confiança do diretor-executivo da PF, delegado Zulmar Pimentel, 55, segundo homem na hierarquia do órgão.


Segundo a Folha apurou, o delegado Edmilson Pereira Bruno, que estava de plantão na madrugada de sexta-feira e prendeu o petista Valdebran Padilha, foi afastado do caso.


Durante a operação, o delegado prendeu ainda o ex-agente da PF Gedimar Passos -que negociava o dossiê com Padilha, no hotel Ibis-, apreendeu R$ 1,7 milhão e colheu os primeiros depoimentos.


Na segunda-feira, Bruno foi afastado. No lugar dele foram acionados policiais ligados ao superintendente em exercício da PF em São Paulo, Severino Alexandre, indicado para a diretoria executiva do órgão pelo diretor-executivo Pimentel.


Como o superintendente em exercício, a Folha apurou que o policial preso também fazia parte do grupo de agentes que gozavam da confiança do diretor-executivo -a PF de Brasília não confirmou a informação.


Por orientação do superintendente em exercício, todos os delegados e agentes foram proibidos de falar sobre o caso. Também foi vetada a divulgação de imagens do dinheiro apreendido no hotel."

Fonte : folha